BOLSONARO CONTRA ATACA!

Bolsonaro12

(e-mail recebido do Tenente Vargas (CHICO DÓLAR)-SELVA!-Guerreiro de Selva:
 Fui para a    GUERRILHA DO ARAGUAIA para combater os Comunistas do PARTIDO COMUNISTA  do BRASIL que queriam impôr o Comunismo no NOSSO PAÍS. TODOS treinados na CHINA, CUBA e RÚSSIA. Foram facilmente vencidos por nós).
 
 A revista Veja demitiu vários jornalistas nãoesquerdistas e mudou a orientaç$ão  política ($=grana surrupiada da Petrobras pelo PT).
Em consequência, CANCELEI MINA ASSINATURA COM ELA! NÃO COMPACTUO COM APÁTRIDAS FDP’s!
                

De Bolsonaro para a  a REVISTA VEJA

Matéria publicada hoje, datada de 20 de abril de 2016.
O respeito à liberdade de imprensa é fundamental para a democracia, mas os veículos sérios de comunicação devem ser mais prudentes para evitar o descrédito junto à opinião pública.
 
Em função da forma pejorativa e preconceituosa com que fui tratado por VEJA, na edição desta semana, esclareço que:

– Definir como “pouco expressivo” os 8% das intenções de voto a mim, para uma eleição presidencial, é ignorar a opinião de cerca de 12 milhões de brasileiros – uma tendenciosa análise.

– Sou radical, sim, na defesa de meus ideais e dos valores que acredito, e não contra pessoas ou quaisquer segmentos da sociedade.

– Sou pai de uma menina de cinco anos e um intransigente defensor da família e da inocência das crianças em ambiente escolar, o que VEJA desconsidera.

– Tenho orgulho do Projeto de Lei n 5.398/2013, de minha autoria, que estabelece a “castração química” voluntária como condição para o condenado por estupro ser beneficiado com progressão de regime. Isso é defender a mulher!

– A inspiração veio da legislação de países mais desenvolvidos, onde a reincidência de estupros caiu de 75% para cerca de 2%, segundo o jurista Alexandre Magno Fernandes Moreira, em seu livro “O “direito” do condenado à castração química”.

– Minha luta sempre foi contra o chamado “kit-gay” nas escolas, para crianças a partir dos seis anos. Um material didático que diz “combater a homofobia”, mas na realidade antecipa a sexualidade infantil. Qual pai ou mãe é favorável a essa insanidade, apoiada ou ignorada por VEJA?

– Requentar frases tiradas do calor dos debates, em especial quando da defesa da família e das crianças é colocar-se ao lado daqueles que as desprezam e objetivam manchar minha reputação.

– Em 28 anos de vida pública jamais estive envolvido em corrupção e tenho muitas propostas para o Brasil, o que VEJA desconsidera. Continuo sendo alvo daqueles que não aceitam um militar concorrer ou despontar como presidenciável bem ranqueado em pesquisas eleitorais. Caso sigam a mesma linha da desinformação, imagino o que poderá ser publicado nas “Páginas Amarelas” da próxima semana, já que fui entrevistado para tal.

                         De forma respeitosa, democrática e ao lado da verdade.
 
                                  JAIR BOLSONARO
Deputado Federal – PSC/RJ
                                                  “NINGUÉM PERSEGUE CACHORRO VIRA-LATAS”
                                                                  BOLSONARO, TEM PEDIGREE.
                                                                           #########
                                                

                                                                       CARAMURÚ

                                                           
                                                   
                                       
COM BOLSONARO, OS CORRUPTOS NÃO TERÃO VEZ!
*********************************************************************************************************************************************************
MONSTROS À SOLTA NO BRASIL
*Mariano Correia Paredes
Com tantos monstros à solta, principalmente pelos “advogados do diabo”, desfilando impunes e livremente nas ruas esburacadas e favelas e no deprimente noticiário social, policial e político, filicidas, parricidas, infanticidas, mensaleiros, “aloprados”, sanguessugas, gabirus, taturanas e outras sinistras faunas, o Brasil parece o filme Jurassic Park. E comparados a eles, o velociraptor, o tiranossauro rex, o carnossauro e outros sanguinários monstros do Cretáceo são mansos gatinhos, pelas razões antropológicas e psiquiátricas que analiso abaixo.
            Esses monstros psicopatas lombrosianos são artrópodes, articulados em partidos políticos e sindicatos, geniais, espertos e autoconfiantes, principalmente confiantes na impunidade. Eles não têm ética, empatia, remorso ou sentimento de culpa. Nascem desprovidos de consciência, um tipo comum de microcefalia e o congresso nas-ceu mal na corrupção eleitoreira é um exemplo clínico e emblemático, sem cura a não ser numa outra ditadura militar, ato cirúrgico URGENTE PARA SALVAR O BRASIL ACÉFALO, sempre quando está nas mãos e garras de civis apátridas e entreguistas.
Eles não se importam com o sofrimento que as suas ações antropofágicas e predadoras infligem e afligem nos e aos outros. Eles são “pessoas”, se é que podem ser classificados assim na filogenia humana, insensíveis, cruéis, cínicas e de sangue-frio como serpentes. Na verdade nem sangue eles têm; corre em suas veias uma espécie de linfa semelhante a da barata. Têm sistemas límbicos atrofiados ou inexistentes, prevalecendo sobre o neocórtex os impulsos animalescos do cérebro primitivo reptiliano escatológico e o principal sintoma é ter erotismo por bundas. Aliás, eles são piores do que répteis, porque dotados ou super-dotados de uma irracionalidade diabólica e criminosa, de fazer inveja ao Satanás, o dragão que desgoverna o Brasil e o mundo em seu habitat-paraíso Brasília.
            Para identificá-los já que possuem o mimetismo camaleônico de roupas de grifes, ternos e gravatas Armani, carros de luxo, ferraris, lamborghinis, porshes e jetskis (o amor é lindo…), eles são carismáticos e espertos e praticam “religiosamente” e pagando “dízimos” as únicas leis desse país sem lei: a lei de Gérson (“Levar vantagem em tudo”) e a Lei de Murici (“Cada um por si”). Seduzem por seu charme hipnótico e fluência verbal, principalmente em palanques, porque demagogos, hipócritas e mentirosos, prometendo “mundos e fundos” e raspando o NOSSO DINHEIRO do PIS, PASEP, FGTS, BNDES, INSS, Banco do Brasil, Banco do Nordeste, Caixa Econômica até o “fundo do tacho” e dos cofres do (já)erário público.
Usam de todos os meios, principalmente de seus meios de comunicação (são “donos” de rádios, jornais, tvs, jabás chapa-branca, sindicatos-pelegos de jornalistas, radialistas y otras cositas más) para vampirizarem e corromperem impiedosamente as suas vítimas e lograrem e lucrarem êxito e impunidade em mandatos “democráticos”, um de seus “meios de vida” e de morte do país, comprados nas “invioláveis” urnas eletrônicas, do SUPREMO TRIBUNAL dos fichas-sujas.
            Outra maneira de se identificar esses monstros quando são “dirigentes” empresariais, sindicais, governamentais e “não-governamentais” (como se, neste país da propina e de laranjas…), eles exploram, escravizam, humilham e assediam sexual e moralmente seus subordinados, principalmente às mulheres, puxam o saco de seus superiores, derrubam o moral da equipe porque imorais, invejosos e indecentes. Chafurdam também e parasitariamente como aspones em sinecuras “púbicas”, federais, estaduais e municipais em concursos “fraudados” e “empresas terceirizadas” de parentes e apaniguados.
Causam demissões sádicas, injustas e arbitrárias, gerando danosos e irreparáveis prejuízos à sociedade. Só eles lucram e podem “pensar grande”; faturam alto e em bom som. São “surdos”: adoram trios elétricos, principalmente em época de “eleição” e som alto em seus carros, os “miquetes”. Eles têm uma mania: chamar a todos que não “pensam”, ou melhor, não maquinam diabolicamente como eles, de “loucos”, “obsidiados” (se são “espíritas”) e “endemoniados” (se são “católicos” e “evangélicos”). Projeção! Projetam nos outros a sua LOUCURA MORAL!
            Porém, esses monstros possuem um farto e perene “habitat”: a sociedade apática, abúlica, covarde, egoísta, indiferente e passiva diante da violência, da fome, da criança abandonada e violentada, da miséria, da prostituição, do desemprego, da insana e brutal concentração de renda, poder e propriedade, “alimentos” desses monstros e, principalmente, no crime de OMISSÃO, previsto e sancionado no artigo 13º do Código Penal e na Constituição Federal, artigo 5º, inciso 43º. Um povo que gosta de “levar vantagem em tudo”, mormente se vendem o seu voto por bolsas família, puta, bandido, empresário, banqueiro, pelego, dentaduras, sandálias japonesas e chinesas e outros badulaques e merrecas, desde o degredado português Diogo Álvares, “construtor” do primeiro “propinoduto”, em 1510, na tribo dos canibais tupinambás, comendo belas índias e contrabandeando pau-brasil. E haja pau, neste país carnavalesco, bundão e esteatopígico, no estágio terminal do paleolítico inferior de Sodoma e Gomorra com ideologia marxista-leninista-stalinista-maoista-gramscista-fidelista-maduristas-llullista-FHCista-filha-da-putista e seus “corolários” CÚ-MUNISTAS do Foro de São Paulo.
            Esses monstros vivem (e muito bem, obrigado, roubando IMPUNEMENTE os nossos impostos!) em simbiose com a sociedade que os engendram e os promovem. SÃO PRODUTOS DO MEIO. Não adianta culpar ninguém mais! Falar mal dos nossos desgovernos e seus monstros é “chutar cachorro morto”, um dos sintomas do “complexo de vira-lata”, tão bem diagnosticado pelo genial jornalista-filósofo-teatrólogo pernambucano Nelson Rodrigues. Aliás, culpar SEMPRE os outros revela mau caráter, doença moral comum em nossos apocalípticos dias. Cada povo tem o monstro que merece, principalmente quando se vota nele e Hitler foi o maior exemplo. Aqui no Brasil ainda vendem o voto… Ô “democracia” mercenária e estúpida… O brasileiro paga e se vende pra morrer e matar o Brasil! E MATAREM O FUTURO DE SEUS FILHOS E NETOS!
            Quando vocês encontrarem um desses monstros em casa (“ditador doméstico” e “eleitor”, um dos piores), no trabalho, nas ruas, na “orla” das praias-cloacas (onde desfilam gordas e bem-nutridas em pizzarias e rodízios de churrasco e lagosta as “zélites” caranguejas” que só andam para trás e para o buraco de lama podre, a única coisa que cresce no Brasil, para “exportador” chinês, “empreiteiro” baiano e “mineradora” mineira-come-quieta-psdbista “verem” e que compram as suas commodities bananeiras ou dão propinas e que odeiam a Ordem e Progresso e  juízes de elevado quilate como Sérgio Moro, são reprodutoras dessa fauna), não chamem um paleontólogo. Esses monstros não estão fossilizados. Estão bastante vivos, espertos, ferozes, perigosos, vorazes e AINDA IMPUNES. Chame a polícia, de preferência a POLÍCIA FEDERAL. Vai faltar jaulas… E BALAS! Capichem? O que eles cometem de crimes de lesa pátria e humanidade no Brasil daria pena de morte em qualquer país sério. Mas, no Brasil, quem se importa com isto? Que tem que levar balas são os nossos mendigos, jovens pobres e crianças, nas “balas perdidas” das favelas, marquizes e tugúrios e “achadas” na impunidade da INJUSTIÇA BRASILEIRA. Afinal, o Brasil não é o PAÍS DO CARNAVAL? A propósito, as fantasias que mais vão vender serão as do Lula e a da Dilma… O rei e a rainha Momos do Brasil. Que “mono-anarquia”… Dom Pedro II está se revirando no túmulo.
*Mariano Correia Paredes é consultor em defesa e membro do Grupo Guararapes.
cHEGA DE MOLEZA E BABAQUICE.
SOLDAD~19

Sobre liciomaciel

Velejador
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s